terça-feira, 28 de setembro de 2010

COMO LIMPAR SEUS MOVÉIS SEM ESTRAGÁ-LOS

O ideal para limpar móveis é usar sabão neutro, como detergente de louças, e um pano ou esponja úmidos. Rute dá preferência à esponja, porque o pano às vezes solta felpa, mas reforça que deve-se usar o lado macio (em geral, o amarelo) do utensílio. A dica vale para as partes em madeira ou prensados e também para puxadores e superfícies metálicas. Para as sujeiras típicas da cozinha, a recomendação é usar água morna e sabão de coco, com uma escova.
O que a gerente comercial não aconselha é usar álcool, pois nunca se consegue passá-lo de forma 100% uniforme, então em determinados ângulos têm-se a impressão de que há manchas no armário. É apenas uma impressão, garante Machado, já que a melamina não sofre manchas por causa do álcool. Se o móvel for de madeira, no entanto, pode-se manchar no acabamento - a boa notícia é que se o etanol afetou apenas a camada externa, é possível raspar o verniz e reenvernizar a peça.
Veja como fazer seus móveis durarem mais
As partes de vidro devem ser limpas com produto apropriado, mas os especialistas reforçam o cuidado para não usar água em excesso, o que danificaria a madeira de outras partes do móvel. A dica de Rute é colocar o limpa-vidros no pano, em vez de no móvel em si.
Proteção Machado explica que a proteção da madeira é dada pelo acabamento, no momento de confecção da peça, seja ele lustrado, selador, goma-laca ou verniz, por exemplo. No caso do MDF e do aglomerado, é a lâmina de melamina que cumpre este papel. Além da camada externa, o marceneiro esclarece que a madeira, como o MDF e o aglomerado, recebem tratamento anticupim e antimofo, entre outros, antes da confecção do móvel.
Por causa dessa "proteção de fábrica", Machado afirma que óleo de peroba ou lustra-móveis não afetam a durabilidade das peças, uma vez que não penetram no material. Ainda assim, Rute lembra que os produtos ajudam a diminuir a quantidade de poeira que se acumula sobre os móveis.
Para as partes cromadas, a gerente comercial recomenda usar cera automotiva ou vaselina líquida, que dão brilho e no caso das peças feitas de ferro serve também para evitar a ferrugem. Os produtos podem ser usados também nas dobradiças de metal. A vaselina ainda serve para corrediças e trilhos, onde ajuda na leveza do deslizamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário